Seja bem Vindo !!
Voltar

Saúde em relação ao bem estar físico

O tema de saúde vai muito além de simplesmente ter bem estar físico, mas engloba o vigor mental também. Uma boa alimentação, boas noites de sono e a disposição resultante disso, são alguns dos itens que garantem de uma melhor qualidade de vida.

Em muitos locais do Brasil famílias não tem boas condições de saneamento básico, em outros, crianças e jovens sofrem pela falta de uma alimentação correta, e tudo isso influencia para que se desenvolva uma condição ruim de saúde.

O que influencia na melhoria da saúde

Segundo a Carta de Ottawa, documento apresentado na 1ª Conferência Internacional de Promoção da Saúde no Canadá, alguns dos pré-requisitos fundamentais para a saúde são: moradia, educação, alimentação, justiça social, renda, paz e um ecossistema sustentável.

Muitos julgam que por uma pessoa ter um corpo normal ela tem saúde, mas, na maioria das vezes, essa pessoa pode apresentar problemas para dormir ou mesmo um desgaste mental e até mesmo uma glicemia elevada. É totalmente errado resumir saúde em apenas bem estar físico, pois ele é apenas um dos componentes para alcançar uma boa qualidade de vida.

Tomemos como exemplo uma pessoa que sofre de hipertensão, somente eliminar o sal da sua dieta não fará com que ele tenha uma vida mais saudável, isso é apenas um dos fatores (no caso, o maior) que pode melhorar a saúde, mas existe muito mais a se fazer como: praticar atividades físicas, evitar consumir alimentos gordurosos (pois a gordura no sangue pode entupir as veias), beber bastante líquidos, dormir bem, dentre outras coisas.

6 coisas simples que influenciam a saúde e a qualidade de vida

 

– Sorrir: é o remédio mais barato que existe. Estar com pessoas e rir à toa é muito bom para todas as idades.

– Comer bem: a alimentação tanto é um aliada como pode ser uma inimiga se realizada de maneira errônea. Consumir alimentos saudáveis e crucial para o corpo e a mente funcionarem bem.

– Dormir bem: o sono é parte importantíssima da nossa vida, tanto que são necessárias, no mínimo, 8 horas de sono por dia. Com uma boa noite de sono você recupera energias e produz muitas substancias essenciais para o corpo.

– Morar num lugar bom: Ter um lar com segurança e paz para se viver é fundamental, especialmente para as crianças, que estão se desenvolvendo e precisam de uma boa moradia. Um ambiente onde tenha-se harmonia, segurança e dignidade é direito de todos.

– Praticar atividades físicas: como já dito aqui, as atividades físicas são um dos componentes importantes para se ter mais qualidade de vida e um bem estar físico. Fazer caminhadas, natação, andar de bicicleta, tudo isso ajuda a fortalecer sua musculatura, combater problemas de circulação e evitar muitas doenças.

– Ter um emprego: pode parecer algo banal, mas sim, ter um emprego e ser “dono do seu próprio nariz” traz uma sensação de realização para muitas pessoas. Muitas pessoas que estão desempregadas acabam sofrendo de depressão e alguns chegar a cometer suicídio. Segundo investigadores da Universidade de Zurique, na Suíça, num estudo publicado em 2015, 1 em cada 5 suicídios no mundo tem relação com o desemprego.

Com isso podemos resumir que, não é possível ter saúde quando se está com fome, bem como uma pessoa que não tem um local para reclinar sua cabeça e repousar não consegue desenvolver uma boa condição de saúde, seja física ou psicológica, não se tratando de pessoas com deficiências mentais, mas sim com problemas de se relacionar com a sociedade novamente (em muitos dos casos).

16 de agosto de 2016

PRECISANDO DE UM ATENDIMENTO RÁPIDO? Insira os seus dados ao lado e nós ligamos para você